Detentas grávidas ganham book de fotos dentro de presídio feminino, em João Pessoa, e mostram o prazer de ser mãe

447

Três apenadas da Penitenciária Feminina Julia Maranhão, em João Pessoa, tiveram uma manhã diferente na unidade nesta sexta-feira (5). É que elas fizeram um book patrocinado pela direção do presídio para mostrar todo o amor pelos seus bebês. Duas delas estão grávidas e outra com um filho de 6 meses. A divulgação da imagem foi autorizada pelas presas.

A ideia foi da diretora do presídio, Cinthya Almeida. O evento, segundo Cinthya, teve como objetivo realizar fotos das internas grávidas para que tenham uma lembrança desse período tão importante de suas vidas.

“Eu tive a ideia depois de conhecer um protejo no Espírito Santo. O intuito foi promover as fotos para que elas tenham uma lembrança dessa gestação. Além disso, elas se valorizam como mulher grávida, apesar de estarem presas. Amar o próximo como a si mesmo é um mandamento. Aqui, falamos de Deus e ajudamos a levantar a autoestima da mulher”, comentou a diretora.

As detentas grávidas são Kananda Nogueira da Silva e Renata Rodrigues Carvalho; Adriana da Silva Nascimento tem um bebê de seis meses. Elas tiveram um dia de beleza, com produção de cabelo e maquiagem, e o book com várias fotos para cada uma. Kananda e Renata, são presas provisórias e respondem por tráfico. Já Adriana é condenada pelos crimes de tráfico e furto.

As fotos foram feitas pelos estúdios de fotografias Angelina e Sátiro Fotografias. A maquiagem ficou por conta de Ingrid Navarro.

“É necessário enxergar a interna além da situação de presidiária, mas como mãe”, frisou Cinthya Almeida.

Portal do Litoral